Entre Fragmentos e Frestas | Museu Janete Costa de Arte Popular

Se você ainda não visitou a exposição “Entre Fragmentos e Frestas”, essa é a sua chance!

  • 09/09/20 à 30/04/21
  • Abertura: 09/09/20 às 10:00h
  • Terça-feira, Quarta-feira, Quinta-feira, Sexta-feira, Sábado, Domingo das 10:00h às 18:00h
  • Rua Presidente Domiciano, 178 – Ingá Niterói – RJ


Com uma nova data de encerramento, 30 de Abril, a mostra evidencia a diversidade, a resistência e resiliência da cultura afro-brasileira, através de aproximadamente 80 obras de 50 dos maiores mestres brasileiros.

A exposição apresenta cerca de 80 obras, de 50 artistas, como Izabel Mendes, Agnaldo Santos, Itamar Julião, Chico Tabibuia, Jadir João Egídio, Mestre Didi, Mestre Guarany, Wuelyton Ferreiro, Maurino Araújo, Benedito, entre outros, cujas descendências africanas, além do alto nível de criação plástica, se manifestam, por meio da arte. Os trabalhos fazem parte das Coleções de Jorge Mendes e Jorge Guedes, Irapoan Cavalcanti e Galeria Pé de Boi. Curadoria e cenografia de Jorge Mendes.

Logo na entrada da mostra, o público pode ver uma escultura de Dona Izabel Mendes, ceramista e símbolo de resistência, que transformou o barro em arte, abrindo caminhos para que as pessoas de sua comunidade tivessem um ofício e uma melhor qualidade de vida. O objetivo é apresentar mestres da arte brasileira, onde a negritude, a ancestralidade africana e a contemporaneidade se manifestam, através das obras e propõe um diálogo com o momento atual do Brasil, onde tentativas de censura, racismo e intolerância religiosa são diariamente vivenciados.

fonte: https://dasartes.com.br/agenda/entre-fragmentos-e-frestas-museu-janete-costa-de-arte-popular/

Gostou desse artigo? comaprtilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkdin
Share on pinterest
Pinterest